quarta-feira, 16 de setembro de 2015

0

Filme: A Incrível História de Adaline

Há tempos não indicava um filme por aqui. Procurei nos arquivos e acredite: postei a última indicação em 2011. Sim, o ano é esse mesmo... 2011. E foi "Água para Elefantes". Mas vamos para a dica de hoje:

Foto daqui

O filme A Incrível História de Adaline (The Age of Adaline) me deixou curiosa logo depois de assistir ao trailer. Teve sua estréia no Brasil em maio e esse mês é uma das novidades do Netflix.

-- Adaline Bowman nasceu em 1908 e tinha uma vida normal. Casou, teve uma filha e pouco tempo depois as coisas começaram a mudar. A principal mudança, que dá sentido ao filme, acontece depois de um acidente de carro, quando ela sobrevive e milagrosamente pára de envelhecer. E é interessante, porque dizem que o caso só poderia ser explicado pela ciência em 2035 (se não me engano).
Como é de se esperar, Adaline começa a ver pessoas próximas envelhecendo, inclusive sua filha, e passa a ser procurada para ser "estudada". Não sobra outra alternativa. Ela precisa fugir e deixar para trás a vida como Adaline e recomeçar, prometendo para si mesma que nunca ficaria muito tempo no mesmo lugar, tudo para evitar explicações e manter seu segredo.
Sua condição a impede de ter uma vida comum, de envelhecer ao lado de alguém, e por isso faz de tudo para não amar novamente. Mas depois de uma festa de Ano Novo, quando conhece Ellis Jones e se apaixona, Adaline precisa decidir se vale a pena fugir do amor para manter seu segredo. --

Logo nos primeiros minutos de filme, fica difícil não lembrar de "O Curioso Caso de Benjamin Button", mas garanto: as histórias são bem diferentes.

Você vai se apaixonar, vai chorar, vai ficar feliz, chorar de novo e vai amar o filme!

Foto daqui

Adaline Bowman é muito bem interpretada por Blake Lively. Pouco antes da estréia do filme, vi muitos comentários sobre a atuação de Blake, conhecida principalmente pelo papel de Serena, em Gossip Girl (tem um post de "Séries que viciam" aqui no blog). Eu já conhecia outros trabalhos da atriz, então já esperava um bom resultado. E posso dizer que realmente a atuação no filme foi ótima. Os momentos com mais emoção realmente convencem. Se você achava que Blake não poderia interpretar outro papel além da riquinha do Upper East Side... bom, você errou.

Foto daqui

No papel de Ellis Jones, Michiel Huisman, o Daario Naharis de Game of Thrones. Sabe aqueles príncipes dos filmes? Ellis é romântico, fofo, bem humorado e vai conquistar a mulherada que assistir. A atuação de Michiel foi ótima. Muito diferente do que vemos em Game of Thrones e o ator se saiu muito bem.

Foto daqui

E interpretando William Jones, Harrison Ford, a estrela de Indiana Jones. Obviamente não preciso comentar sobre a atuação dele, já que o ator é muito conhecido e tem muitos fãs que acompanham seu trabalho. Mas se quer saber, ele conseguiu transmitir perfeitamente o que o personagem sente, toda a nostalgia e o amor que não teve uma continuação... É bem diferente dos papéis que ele já interpretou.

Outra atuação que eu não poderia deixar de comentar é de Ellen Burstyn, no papel de Flemming, filha de Adaline. Achei a atriz encantadora!

Foto daqui

Foto daqui

Mas e aí, você já assistiu? Me conta o que achou!

Se ainda não viu, fica aqui minha recomendação e o trailer:



Filme não recomendado para menores de 12 anos.
Duração: 1h52min

Comentários: