segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

0

Filme: Os Suspeitos (Prisoners)


"Os Suspeitos" entrou para a minha lista logo depois de ver o trailer, em 2013. Gosto desse tipo de suspense, de tentar descobrir o mistério, juntar as pistas... não sei porque não assisti antes.

O filme conta a história de duas famílias, Dover e Birch, que durante um feriado se reúnem na casa dos Birch para um jantar, e sem que percebam, Anna e Joy desaparecem. Keller Dover (Hugh Jackman) e Franklin Birch (Terrence Howard) começam a procurar suas filhas, até ouvirem do filho mais velho de Keller que havia um trailer do outro lado da rua, mas não viram quem estava dentro. Quando saem a procura do trailer, a rua já estava vazia. Sem notícia das meninas, as famílias procuram a delegacia e o caso fica para o detetive Loki (Jake Gyllenhaal), que imediatamente sai para encontrar o trailer. Cercado pela polícia, o condutor do trailer tenta fugir, mas acaba preso. Só depois é que a polícia percebe que Alex (Paul Dano) tem o QI de uma criança de 10 anos e sem acusações, sem acreditar que ele esteja envolvido no desaparecimento das meninas, decidem não mantê-lo preso. Entretanto, Keller não acredita nessa história e decide resolver tudo do seu jeito, independente do que seja necessário fazer para salvar sua filha, antes que seja tarde demais. Muitas outras coisas surgem durante a investigação do detetive Loki e a história fica ainda mais interessante.

Dessa vez não vou contar muitos detalhes, porque qualquer coisa a mais pode acabar com todo o suspense e entregar alguma pista que vocês só devem descobrir no filme. Assistam e depois me contem o que acharam (tem no Netflix!).


Eu gostei muito desse filme. A história é boa. O suspense é ótimo. Só o que me deixou P da vida foi o final. As atuações de Hugh Jackman e Jake Gyllenhaal foram nota 10 sem dúvida! No elenco do filme também estão Maria Bello (Sem Saída) e Viola Davis (How to Get Away with Murder - sem comentário sobre a série, ainda não assisti)



Alerta de spoiler (comentei o final do filme, a parte que mais me incomodou. Se quiser saber, selecione a área em branco) -> o filme realmente é muito bom, tem aquele suspense de verdade, aquela ansiedade durante as 2h30min pra saber se realmente as meninas serão encontradas, mas depois que Keller fica preso, você não sabe mais o que vai acontecer. Sinceramente, eu já estava desconfiando daquela mulher! Já tinha ligado os pontos há tempos... Enfim! Até aí tudo bem. Depois Anna volta pra casa, graças ao detetive que matou aquela bruxa na hora certa. Mas e o Keller dentro do buraco? Tem uma cena no hospital, onde Grace tenta convencer o detetive Loki de que o marido é um homem bom e que só fez isso pra salvar a filha, o detetive olha com uma cara que não dá pra identificar o que se passa na cabeça dele e depois mostram a busca sendo feita no quintal da bruxa-sequestradora-de-crianças. Enquanto o detetive estava analisando o lugar, um pouco distante do buraco, Keller começa a apitar usando o resto de força que ainda tinha. O detetive escuta o barulho, olha para trás e... o filme acaba! Como podem fazer isso?? Sr. Denis Villeneuve, me diz o resto desse filme agoraaa nunca te pedi nada!! Cada um tem sua opinião sobre o final do filme. No meu ponto de vista otimista, o detetive ouviu o apito, puxou o carro e tirou Keller do buraco. No pessimista, ele ouviu o barulho, ignorou imaginando que era Keller e o deixou morrer. Mas espera aí, pensando por outro lado, ele não sabia que era Keller... então ele pode ter procurado, encontrado e todos viveram felizes para sempre. Será? Aff! Nem sei mais o que pensar desse final! Agora você sabe porque achei um filme incrível, com um final péssimo (nem tanto assim, vai...).
Fim do spoiler.

Vou deixar o trailer, como sempre:


Não recomendado para menores de 16 anos.

Comentários: